O CURRÍCULO ESCOLAR NA PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO DO CAMPO

possibilidades e desafios da gestão pedagógica

Autores

  • Daiane Braghirolli Rauschkolb Universidade Estadual do Centro-Oeste, Brasil. https://orcid.org/0000-0002-0836-9596
  • Suzete Terezinha Orzechowski Universidade Estadual do Centro Oeste, Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.1983-1579.2020v13n3.37931

Palavras-chave:

Educação do campo, Currículo Escolar, Prática Pedagógica

Resumo

O texto apresenta a investigação sobre o currículo na escola do campo com o objetivo de conhecer como a prática pedagógica se articula ao currículo formal. Os procedimentos da pesquisa tem abordagem qualitativa, de cunho bibliográfico e empírico com levantamento de dados em campo. Os dados presentes na pesquisa foram coletados por meio da análise do currículo formal da escola, bem como de suas características e especificidades. Foi aplicado um questionário com perguntas semiestruturadas em relação ao currículo formal da escola, prática pedagógica e educação do campo, para os professores que atuam nos anos finais do ensino fundamental e equipe pedagógica. Realizou-se observação dirigida nas quatro turmas dos anos finais do ensino fundamental para acompanhar a prática pedagógica do professor em sala de aula, a mesma foi registrada em diário de campo segundo os seguintes critérios: conteúdos curriculares; articulação conteúdo geral e específico; e como os saberes do campo se inseriam na prática pedagógica do professor. O aprofundamento bibliográfico necessário para fundamentar a pesquisa traz as ideias de Coll (2000), Libâneo (1994, 2005), Pacheco (2007), Sacristán (1998), Cavalcanti (2011). As discussões no artigo apresentam-se em 4 seções: histórico da educação do Campo, Embasamento sobre as noções de currículo, caracterização da escola e do currículo do campo e finalizando estão as análises sobre os resultados da pesquisa.

 

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Daiane Braghirolli Rauschkolb, Universidade Estadual do Centro-Oeste, Brasil.

Graduada em Pedagogia Docência e Gestão Educacional pela Universidade Estadual do Centro Oeste -UNICENTRO- Campus de Chopiniznho-PR (2014-2017). Pós Graduação Lato Sensu em nível de Especialização em Gestão Escolar e Neuropsicopedagogia pela faculdade UNINA-Polo de São João -PR (2019-2020).

Suzete Terezinha Orzechowski, Universidade Estadual do Centro Oeste, Brasil.

Doutora em educação pela PUC/PR e UNED/MADRID. Pedagoga e professora no departamento de Pedagogia da UNICENTRO-Guarapuava/Paraná. Líder do grupo  de pesquisa GETFOP e coordenadora do LAPSU- Laboratório de Pedagogia social da UNICENTRO.

Referências

BRASIL. Decreto n° 7.352, de 4 de Novembro de 2010. Dispõe sobre a política de Educação do Campo e o Programa Nacional de Educação da Reforma Agrária-PRONERA. Brasília. 4 de novembro de 2010.

BRASIL, MEC. Lei n° 9394 de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Brasília, 1996. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9394.htm. Acesso em 2 de junho de 2017.

BRASIL, MEC/CEF. Dicionário da Educação do Campo. Rio de Janeiro, São Paulo. 2012.

BRASÍLIA. Diretrizes Operacionais para a Educação Básica das Escolas do Campo. Resolução CNE/CEB de 3 de Abril de 2002.

CAVALCANTI, Albares de Siqueira. Currículo e Diversidade Cultural: uma abordagem a partir do Ensino Religioso nas escolas públicas. Rev. de pesquisa em Filosofia, v1, n.3, maio – ago.2011. Disponível em: http://www.revistafundamento.ufop.br/Volume1/n3/vol1n3-9.pdf. Acesso em 14 de janeiro de 2017.

COLL, César. Psicologia e Currículo: uma aproximação psicopedagógica a elaboração do currículo escolar. São Paulo: Ática, 2000.

LIBÂNEO, José Carlos. Didática. Cortez. São Paulo, 1994.

LIBÂNEO, José Carlos (et.al). Educação Escolar: Políticas, estrutura e organização. Cortez. São Paulo, 2005.

PACHECO, Márcia M. Dias Reis. Currículo, interdisciplinaridade e organização dos processos de ensino. Fundação Hermínio Ometto/Uniararas, 2007.

PARANÁ, MEC/CFE. Diretrizes Curriculares da educação do Campo. Curitiba. 2006. Disponível em: http://www.educadores.diaadia.pr.gov.br/arquivos/File/diretrizes/diretriz_edcampo.pdf. Acesso em 20 de maio de 2017.

PARANÁ, Secretaria Estadual de Educação, Projeto Político Pedagógico. Colégio Estadual do Campo São Luís. São João – PR, 2017.

PARANÁ, MEC/CEF. II Caderno Temáticos da Educação do Campo. Curitiba. Vol.2. SEED- PR, 2009. Disponível em: http://www.educadores.diaadia.pr.gov.br/arquivos/File/cadernos_tematicos/caderno_tematico_campo02.pdf.Acesso em 5 de janeiro de 2017.

SACRISTÁN, J. Gimeneo. O currículo: uma reflexão sobre a prática. Armed – 3 ed. Porto Alegre. 1998.

VERLINDES, Suzani Pletsch; ORZECHOWSKI, Suzete Terezinha. Metodologia da Alternância na Casa Familiar Rural de Chopinzinho. Paraná/Brasil. UNICENTRO, 2016.

Downloads

Publicado

2020-08-10

Como Citar

RAUSCHKOLB, D. B. .; ORZECHOWSKI, S. T. . O CURRÍCULO ESCOLAR NA PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO DO CAMPO: possibilidades e desafios da gestão pedagógica. Revista Espaço do Currículo, [S. l.], v. 13, n. 2, p. 326–340, 2020. DOI: 10.22478/ufpb.1983-1579.2020v13n3.37931. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/index.php/rec/article/view/37931. Acesso em: 19 jan. 2022.