A PRODUÇÃO DE CURRÍCULOS MULTICULTURAIS E DECOLONIAIS NO CURSO DE PEDAGOGIA PELO CINEMA NEGRO DE ZÓZIMO BULBUL

Autores

  • Fabio Jose Paz Rosa Universidade Estácio de Sá, Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.1983-1579.2021v14n1.54573

Palavras-chave:

Cinema Negro, Formação de Professores, Paradigma Multicultural, Pedagogia Decolonial

Resumo

Este artigo tem por objetivo apresentar a reconstrução de conhecimentos outros no curso de Pedagogia por meio do cinema negro de Zózimo Bulbul ao propor a exibição e a produção de atividades baseadas no filme Alma no olho.  A fundamentação teórica respaldou-se no Paradigma Multicultural e nas Pedagogias decoloniais com o intuito de desenvolver conhecimentos para as diversidades enunciadas por meio do docente e dos estudantes participantes. As metodologias utilizadas foram a Pesquisa-ação e a Análise Criativa. Ao final, a investigação evidenciou a construção de conhecimentos propiciados pelas inter-relações corpóreas, estéticas e históricas do filme com as percepções e vivências dos graduandos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Fabio Jose Paz Rosa, Universidade Estácio de Sá, Brasil.

Doutor em Educação pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e Professor da Universidade Estácio de Sá.

Referências

ALMA no olho. Direção: Zózimo Bulbul. Rio de Janeiro – RJ, 1974. 12 min

BARBIER, R. A Pesquisa-Ação. Brasília: Liber, 2007. Tradução de Lucie Didio.

BERGALA, Alain. A hipótese cinema. Pequeno tratado de transmissão do cinema dentro e fora da escola. Rio de Janeiro: Booklink, 2008.

BRASIL. Base Nacional Comum Curricular. Brasília: MEC, 2017. Disponível em: http://basenacionalcomum.mec.gov.br/images/BNC C_20dez_site.pdf. Acesso em: 22 de dezembro de 2017.

BRASIL. Diretrizes Curriculares Nacionais para a educação das Relações étnico-raciais e para o ensino de História e Cultura Afro-Brasileira e Africana. Brasília, 2003.

BRASIL. Ministério da Educação. Proposta para Base Nacional Comum da Formação de Professores da Educação Básica. 2018b.

CANEN, Alberto; IVENICKI, Ana. Metodologia da Pesquisa: rompendo fronteiras curriculares. Rio de Janeiro: Editora Moderna. 2016.

CANEN, Ana. A pesquisa multicultural como eixo da formação docente: potenciais para a discussão da diversidade das diferenças. Ensaio, v.16, n.59, p. 297-308, abr/Jun. 2008.

GOMES, Nilma Lino. Relações étnico- raciais, educação e descolonização dos currículos. Currículo sem Fronteiras, v.12, n.1, p. 98-109, Jan./Abr. 2012.

GOMES, Nilma Lino; JESUS, Rodrigo Ednilson. As práticas pedagógicas de trabalho com relações étnico-raciaisna escola na perspectiva da Lei 10.639/2003: desafios para a política educacional e indagações para a pesquisa. Educar em Revista, v. 47, p. 19-33, jan/mar. 2013.

HALL, Stuart. Da diáspora: Identidades e Mediações Culturais. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2003.

HOOKS, bell. Ensinando a transgredir: a educação como prática da liberdade. Tradução de Marcello Brandão Cipolla. São Paulo: Editora WMF Martins Fontes, 2013.

HOOKS, bell. Olhares negros: raça e representação. Tradução de Stephanie Borges. São Paulo: Elefante, 2018.

MACEDO, Elizabeth; RANNIERY, Thiago. Políticas Públicas de currículo: diferença e a ideia de público. Currículo sem Fronteiras, v. 18, n. 3, p. 739-759, 2018.

MIRANDA, Cláudia. Currículos decoloniais e outras cartografias para uma educação das relações étnico-raciais: desafios político-pedagógicos frente à Lei n. 10.639/2003. Revista da ABPN , v. 5, n. 11, jul.– out , p. 1.00-118, 2013.

MIRANDA, Cláudia; RIASCOS, Fanny Milenna Quiñones. Pedagogias Decoloniais e Interculturalidade: Desafios para uma Agenda Educacional Antirracista. Educação em Foco, Juiz de Fora, v.21, n.3, set. / dez., p. 545- 572, 2016.

THIOLLENT, Michel Jean Marie; COLETTE, Maria Madalena. Pesquisa-ação, formação de professores e diversidade. Acta Scientiarum. Human and Social Sciences Maringá, v. 36, n. 2, Jul-dez., p. 207-216, 2014.

WALSH, C. Interculturalidade Crítica e Pedagogia Decolonial: in-surgir, re-existir e re-viver. In: CANDAU, V. M. (org.) Educação intercultural na América Latina: entre concepções, tensões e propostas. Rio de Janeiro: 7Letras, 2009.

Downloads

Publicado

2021-03-24

Como Citar

ROSA, F. J. P. A PRODUÇÃO DE CURRÍCULOS MULTICULTURAIS E DECOLONIAIS NO CURSO DE PEDAGOGIA PELO CINEMA NEGRO DE ZÓZIMO BULBUL. Revista Espaço do Currículo, [S. l.], v. 14, n. 1, 2021. DOI: 10.22478/ufpb.1983-1579.2021v14n1.54573. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/index.php/rec/article/view/54573. Acesso em: 13 maio. 2021.