O ENSINO DE SOCIOLOGIA EM PERSPECTIVA COMPARADA

uma análises dos currículos da província de Santa Fé (Argentina) e do estado de Santa Catarina (Brasil)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.1983-1579.2020v13n2.51118

Palavras-chave:

Ensino de Sociologia, Ensino Médio, Currículo de Ciências Sociais, Didática

Resumo

O ensino de sociologia na educação básica assume diferentes contornos nos distintos contextos nacionais, o que se relaciona com a forma como a educação básica estrutura-se em cada país, e também com as tradições nacionais das ciências sociais. Na realidade escolar, a sociologia é recontextualizada através das propostas curriculares, que tanto podem ser nacionais como locais. Neste artigo são analisadas as propostas de currículo de sociologia para o ensino médio na província de Santa Fé, Argentina, e no estado de Santa Catarina, Brasil. Observam-se desafios semelhantes em ambos os contextos em termos pedagógicos e epistemológicos, ao mesmo tempo em que há substanciais diferenças que se originam, principalmente, nas distintas organizações dos sistemas de ensino argentino e brasileiro.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Amurabi Oliveira, Universidade Federal de Santa Catarina, Brasil.

Doutor em Sociologia pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Professor da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), atualmente é Professor Visitante na Universidade Autônoma de Barcelona (UAB) com bolsa PVE Junior CAPES. Pesquisador do CNPq. 

Luiz Alexandre Devegili, Universidade Federal de Santa Catarina, Brasil.

Licenciado em Ciências Sociais, Mestre em Educação pela Universidade Federal de Santa Catarina. 

Referências

APPLE, Michael.Ideologia e Currículo. Porto Alegre: Artmed, 2006.

BLOIS, Juan Pedro. La institucionalización y profesionalizaciónde la sociología en Brasil y Argentina. Formación,organización e intervención de los sociólogos. Estudios Sociológicos, v. XXXIII, n. 99, p. 633-658 , 2015.

______. Medio siglo de sociología en la Argentina. Ciencia, profesión y política (1957-2007). Buenos Aires: EUDEBA, 2018.

CIGALES, Marcelo; BODART, Cristiano. Debates em torno da História do Ensino de Sociologia no Brasil, In: GONÇALVES, Danyelle Nilin; MOCELIN, Daniel Gistavo; MEIRELLES, Mauro (Orgs.) Rumos da Sociologia no Ensino Médio: ENESEB2015, formação de profesores, PIBID e experiências de ensino. Porto Alegre: Cirkula, 2016. p.23-42.

CHICONI, Antonela; EGGEL, Analí; MIGUEZ, Andrés; AMSLER, Pablo. La sociología como profisíon. Un análisis de las trayectorias laborales de los primeros graduados de sociología de la UNL. In: XXXI Congresso da Associacíon Latino Americana de Sociología- ALAS, 2017, Montevidéu, Uruguay. Anais (on-line). Montevidéu: ALAS, 2017. Disponível: http://alas2017.easyplanners.info/opc/tl/3649_antonela_chiconi.pdf Acesso em 20 agos. 2019.

FERNANDEZ, Daniela; OLIVEIRA, Amurabi. As outras histórias da Sociologia escolar na América Latina: um olhar desde o Uruguai com Daniela Fernandez. Cadernos da Associação Brasileira de Ensino de Ciências Sociais. v.1, n.2, p.134-141, 2017.

LEAL, Sayonara; YUNG, Tauvana. Por uma sociologia do ensino de sociologia nas escolas: da finalidade atribuída à disciplina à experiência social do alunato. Estudos de caso no Distrito Federal. Revista Sociedade e Estado, v. 30, n 3, p. 773-796, 2015.

LIEDKE FILHO, Enno. A Sociologia no Brasil: história, teorias edesafios. Sociologias, v. 7, n.14, p. 376-436, 2005.

MEUCCI, Simone. Institucionalização da sociologia no Brasil: primeiros manuais e cursos.

São Paulo: Hucitec: Fapesp, 2011.

MICELI, Sergio. Condicionantes do desenvolvimento das ciências sociais. In: MICELI, Sergio. (Org.). História das Ciências Sociais no Brasil Vol. 1. São Paulo: Editora Vértice/IDESP/FINEP, 1989, pp. 72-110.

MORAES, Amaury C. Ensino de Sociologia: periodização e campanha pela obrigatoriedade.

Cadernos CEDES, v. 31, nº 85, 2011 , p. 359 382

MOTA, Kelly Cristine Corrêa da Silva. Os lugares da sociologia na formação de estudantes do ensino médio: as perspectivas de professores. Rev. Bras. Educ. s/v., n.29, p.88-107, 2005.

OLIVEIRA, Amurabi. A expansão conservadora dos cursos de formação de professores em Ciências Sociais em Santa Catarina. Revista Pós Ciências Sociais, v. 13, n. 25, p. 87-103, 2016.

______i. Ensino de Sociologia: novas temáticas e experiências internacionais. Educação & Realidade, v. 39, n. 1, 11-16, 2014.

______. O Ensino de Sociologia em Santa Fé (Argentina): Algumas Pistas Comparativas com o Caso Brasileiro. Revista Tomo, s/v, n. 34, p. 393-418, 2019.

______. O Currículo de Sociologia na Escola: um campo em construção (e disputa). Revista Espaço do Currículo, v. 6, n. 2, p. 355-366, 2013a.

______. Revisitando a história do ensino de Sociologia na Educação Básica. Acta Scientiarum. Education, v. 35, n. 2, p. 179-189, 2013b.

______; BINSFELD, Willian; TRINDADE, Tayná. A Reforma do Ensino Médio e suas Consequências: O que pensam os professores de sociologia?. Revista Espaço do Currículo, v. 11, n.2, p. 249-259.

PAGÈS, Joan; SANSISTEBAN, Antoni. La educación para la ciudadanía y la enseñanza de las ciencias sociales, la geografía y la historia. Íber. Didáctica de las Ciencias Sociales, Geografía e Historia, s/v, n 64, p. 8-18, 2010.

______; ______. (Orgs.) Les qüestions socialment vives i l’ensenyament de les ciències socials. Barcelona: Publicacions de la Universitat Autònoma de Barcelona, col. Documents, núm. 97, 2011.

PEREYRA, Diego. Cincuenta años de la Carrera de Sociología de la UBA. Algunas notas contra-celebratorias para repensar la historia de la Sociología en la Argentina. Revista Argentina de Sociología, v. 5, n. 9, p. 153-159, 2007.

______; PONTREMOLI, Claudia. ¿La Sociología está Pasada de Moda? Una discusión sobre la enseñanza de sociología en la escuela media en Argentina: docentes, estudiantes y propuesta curricular. Educação & Realidade, v. 39, n. 1, p. 139-159, 2014.

PROUPECHE, Sérgio Fabian Vita. Sobre el problema de la enseñanza de las humanidades en la Educación Secundaria. Didáctica (Lengua y Literatura), v. 16, p. 251-269.

RAIZER, Leandro; CAREGNATO, Célia E.; MOCELIN, Daniel G.; PEREIRA, Thiago I. O ensino da disciplina de sociologia no Brasil: diagnóstico e desafios para a formação de professores. Revista Espaço Acadêmico, s/v, n.190, p. 15-26, 2017.

SANTA CATARINA, Secretaria de Estado da Educação e do Desporto. Proposta Curricular de Santa Catarina. Florianópolis, 1991.

______, Lei nº 170, de 07 de agosto de 1998. Dispõe sobre o Sistema Estadual de Educação. Florianópolis: Assembleia Legislativa, [1998a]. Disponível em: http://secon.udesc.br/leis/lei_170-1998.htm. Acessado em 29 de janeiro de 2020.

______, Lei nº 173, de 21 de dezembro de 1998. Dá nova redação ao parágrafo único do artigo 41, da Lei nº 170/98, que dispõe sobre o Sistema Estadual de Educação. Florianópolis: Assembleia Legislativa, [1998b]. Disponível em: http://leis.alesc.sc.gov.br/html/1998/173_1998_Lei_complementar.html. Acessado em 29 de janeiro de 2020.

______, Secretaria de Estado da Educação e do Desporto. Proposta Curricular de Santa Catarina. Florianópolis, 1998c.

______, Secretaria de Estado da Educação e do Desporto. Orientação Curricular com foco no que ensinar: conceitos e conteúdos para a Educação Básica. Florianópolis, 2011.

______, Secretaria de Estado da Educação e do Desporto. Proposta Curricular de Santa Catarina. Florianópolis, 2014.

SANTA FÉ. Diseño Curricular de Educación Secundaria Orientada. Santa Fé: Ministerio de Educación de la Provincia de Santa Fé, 2014.

SANTISTEBAN, Antoni. Cómo trabajar en clase la competencia social y ciudadana. Aula de Innovación Educativa, s/v, n. 189, pp. 12-15, 2009.

TRINDADE, Helgio. “Disciplinarização” e construção institucional da sociologia nos países fundadores e sua reprodução na América Latina. Sociologias, v.20, n.47, p. 210-256, 2018

VITULLO, Gabriel. Las Ciencias Sociales en Argentina. In: TRINDADE, Hélgio (Coord.). Ciencias Sociales en América Latina: de los inicios a la teoría de la dependencia. Buenos Aires: Eudeba, 2013. p.13-22.

WEBER, Silke. O professorado e o papel da educação na sociedade. Campinas: Papirus, 1996.

Downloads

Publicado

2020-04-01

Como Citar

OLIVEIRA, A.; DEVEGILI, L. A. O ENSINO DE SOCIOLOGIA EM PERSPECTIVA COMPARADA: uma análises dos currículos da província de Santa Fé (Argentina) e do estado de Santa Catarina (Brasil). Revista Espaço do Currículo, [S. l.], v. 13, n. 2, p. 153–165, 2020. DOI: 10.22478/ufpb.1983-1579.2020v13n2.51118. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/index.php/rec/article/view/51118. Acesso em: 19 jun. 2021.